Netbook x Cloud Computing (parte 2) 1


Um conceito leva ao outro. A revolucionária Computação em Nuvem (Cloud Computing) vem a ser uma das tecnologias de maior impacto atualmente. Considerada pela Gartner como uma das 10 tecnologias mais importantes para os próximos anos.

Para explicarmos melhor o conceito de Computação em Nuvem precisamos ter em mente dois importantes pontos: Toda representação gráfica da Internet vem a ser uma nuvem, e daí o nome, e que a maior parte do processamento “pesado” é realizado em servidores da Web, aliviando a carga dos micros conectados.

Em outras palavras, exemplificando, temos os aplicativos do Google como principais softwares desenhados nesse novo modelo. Falamos em novo modelo, mas se pensarmos historicamente os mainframes, os computadores de grande porte, já tinham essa mesma idéia nos primórdios da computação.

O Gmail, como qualquer outro webmail, por exemplo, nada precisa que seja instalado em sua máquina para poder processar os seus vários emails. E é assim que basicamente funcionam os novos aplicativos em Computação na Nuvem (falaremos em outros posts de outros vários aplicativos !!). Tendo como interface, com os seus usuários, um simples browser (Internet Explorer, Firefox, Chrome, etc.) fica independente do Sistema Operacional, ou seja, tanto faz se roda Windows, Linux, ou mesmo Macintosh.

E se o processamento maior fica nos Servidores da Web, pouco precisa de memória e processador nos computadores que os acessam. Por isso que o projeto dos NETBOOKS veio a calhar também nessa solução. Embora qualquer computador possa ser usado na computação em nuvem, mas os NETBOOKS teriam como principal vantagem a mobilidade.

Praticamente num NETBOOK roda um Windows XP (o Linux teve pouco sucesso, mas cada vez mais sendo adaptado para esse ambiente, assim como o próximo Windows 7) e com memória flash que possui maior confiabilidade do que os HD’s mecânicos.

Processadores de baixo consumo de energia aumentando o tempo de conexão reais para mais de 3 horas. E telas que giram em torno de 10 polegadas, wireless e webcam embutidas, permitindo que o peso final desse equipamento seja próximo de 1 quilo. Lógico que existem muitas variações desse NETBOOK, e cada vez mais sofisticações, mas que já é uma tendência e um sucesso de mercado isso ele já é.

Artigos falando sobre o NETBOOK em 3 Partes:
A História do NETBOOK (parte 1)
Netbook x Cloud Computing (parte 2)
NETBOOK na VEJA !! (parte 3)


Sobre Prof.Dr.CARLOS VALENTE

Doutor (UniBan) em Educação Matemática, Doutorando (ITA) e Mestre (IPT) em Engenharia de Software. Pós-Graduado em Análise de Sistemas (Mackenzie), Administração (Luzwell-SP), e Reengenharia (FGV-SP). Graduado/Licenciado em Matemática. Professor e Pesquisador da Universidade Anhembi Morumbi e ESAB - Escola Superior Aberta do Brasil. Autor de livros em Conectividade Empresarial. Prêmio em E-Learning no Ensino Superior (ABED/Blackboard). Consultor de T.I. em grandes empresas como Sebrae, Senac, Granero, Transvalor, etc. Viagens internacionais: EUA, França, Inglaterra, Itália, Portugal, Espanha, etc. CURRICULO LATTES = http://lattes.cnpq.br/5121684547787661


Deixe uma resposta

Um pensamento em “Netbook x Cloud Computing (parte 2)

  • Marcos Oliveira

    Embora seja um assunto técnico, achei legal a tirinha que vocês fizeram a respeito …