Andragogia versus Pedagogia !!


Uma das máximas que eu aprendi na Andragogia é a de que “o adulto quer aprender, mas não quer ser ensinado” !! Embora a Andragogia, para mim, esteja mais relacionado com a educação orientada para adultos, existem vertentes que a consideram também como educação continuada.

De qualquer forma ela é uma contraposição em relação a velha Pedagogia, do grego paidós = criança (Pedagogia e Pedofolia tem o mesmo radical !!). Pois, se considerarmos que a Andragogia seria a educação para adultos, a Pedagogia estaria mais para a educação de crianças.

andragogiaEu acho interessante essa divisão didática pois dependendo da idade do ser humano temos que adotar princípios diferentes de educação. Meu irmão me contou recentemente que ao falar como ele gostava de estudar, o sobrinho dele reagiu afirmando:

Eu não gosto de ESTUDAR, nunca gostei… Eu gosto é de APRENDER !!! 

E meu irmão me comentou: “Aquilo ficou batendo na minha cabeça, parecia uma incoerência, como ele pode aprender se ele não estudar? Eu estudo porque gosto de APRENDER… mas porque na cabeça dele, havia uma diferença enorme entre ESTUDAR (que ele detesta) e APRENDER (que ele ama).

Existem realmente paradigmas que criamos em tenra idade que nunca mais esquecemos, ou “quebramos” !! Para o sobrinho do meu irmão ESTUDAR era uma obrigação imposta pelos adultos para ele ser duramente avaliado, quanto ele teria captado ipsis litteris de tudo aquilo que o professor tinha passado de conteúdo.

No entanto, APRENDER era algo que ele fazia todo dia para saciá-lo da fome e do mistério do conhecimento. Até a origem da palavra APRENDER é muito interessante !! Do latim apprehendere tem a ver com prender (prehendere), ou seja “aprender é prender em si mesmo o que se aprendeu“.

Até mesmo a expressão tão comum nos dias atuais “caiu a ficha“, embora de origem do tempo dos telefones públicos de ficha, representa o momento que se entendeu alguma coisa. A inteligência não é formada pela quantidade de neurônios, mas sim pelas sinapses. E com certeza, quando “cai uma ficha” é que foi formada uma sinapse !!

De tanto a pessoa se forçar a entender uma coisa, ou de ver por outros ângulos a mesma problemática, ela começa a relacionar com outras coisas que ela domina e aí … no processo de interligar dois ou mais neurônios, na criação de uma sinapse, o sujeito expressa finalmente: “caiu a ficha” !!

Por causa disso que defendemos a elaboração, pelos nossos alunos acadêmicos, dos blogs educacionais. Pois, ao explorar a temática dada em aula, por meio de pesquisas na Web, imagens muitas vezes cômicas, e de vídeos ilustrativos o aluno começa relacionar o conteúdo com uma riqueza de mídias sensacionais. É o uso efetivo da transmídia !!! Mas, esse é um papo para outro artigo …

pedagogia_e_andragogia(Clique na tabela acima para aumentar o tamanho das letras.)

Curiosidade: O pesquisador Tonghui Xu da Universidade da Califórnia em Santa Cruz, estudou camundongos jovens e adultos. Os animais eram colocados em gaiolas onde aprendiam a alcançar sementes através de uma fenda. Menos de uma hora depois de aprenderem a tarefa, já se encontrava um número significativo de novas sinapses no córtex cerebral. Esperava-se que a formação de novas sinapses levasse dias para acontecer. No entanto, o estudo de Xu e sua equipe mostra que o remodelamento estrutural das sinapses acontece quase imediatamente. Aprender, portanto, é mudar o cérebro quase que na mesma hora. Constatou também que entre os camundongos jovens a formação de novas sinapses era mais rápida do que em adultos.


Sobre Prof.Dr.CARLOS VALENTE

Doutor (UniBan) em Educação Matemática, Doutorando (ITA) e Mestre (IPT) em Engenharia de Software. Pós-Graduado em Análise de Sistemas (Mackenzie), Administração (Luzwell-SP), e Reengenharia (FGV-SP). Graduado/Licenciado em Matemática. Professor e Pesquisador da Universidade Anhembi Morumbi e ESAB - Escola Superior Aberta do Brasil. Autor de livros em Conectividade Empresarial. Prêmio em E-Learning no Ensino Superior (ABED/Blackboard). Consultor de T.I. em grandes empresas como Sebrae, Senac, Granero, Transvalor, etc. Viagens internacionais: EUA, França, Inglaterra, Itália, Portugal, Espanha, etc. CURRICULO LATTES = http://lattes.cnpq.br/5121684547787661

Deixe uma resposta